Ganhe R$500,00 em RappiCréditos ao comprar um carro na Karvi com a logo da Rappi!

Chevrolet Bolt 2019

Versões Bolt 2019

Bolt 2019

Bolt EV 2019

Resumo

Vem com motor elétrico com 203 cavalos. Em equipamentos traz o essencial, e em segurança seis airbags, controle de estabilidade e tração e itens de segurança ativa.

Resumo Bolt 2019:

O Chevrolet Bolt 2019 é o elétrico mais vendido dentre as montadoras-padrão, somente um modelo da BMW e um da Audi vendem mais que ele, mas também são mais caros, ele está disponível em uma versão única, a EV, que entrega excelente desempenho e muitos equipamentos de conforto e segurança.

Algo que marcou o mercado de carros elétricos no mundo, é que eles eram feitos como se fossem naves espaciais. Com o início das atividades comerciais de forma mais abrangente neste mercado as montadoras estão desenhando carros mais parecidos com os não elétricos. E este é o caso do Bolt, o único detalhe que torna visível que se trata de um elétrico é o emblema onde se conecta o carregador. A dianteira moderna e bastante curvada realça o design. Já os detalhes cromados acima das portas que atravessam toda a lateral e as rodas de aro 17 mostram que o Chevrolet Bolt tem acabamento superior aos concorrentes. Ainda na lateral o detalhe em preto que sai dos faróis dianteiros chegando aos retrovisores dá um toque muito especial no design do carro. Na traseira metade do porta-malas em acabamento preto contornando o vidro e as lanternas com desenho sóbrio fecham o conjunto que consegue superar o design dos que tentam ser futuristas, mas também não são simplistas como dos outros elétricos.

O motor elétrico do Bolt tem 203 cavalos e o câmbio é o automático de uma marcha, característica comum aos demais elétricos. A tração é dianteira e os freios a disco nas quatros rodas. O sistema de freios permite a recarga da bateria que está abaixo do assoalho.

Não se espera nenhum resultado surpreendente no desempenho de um carro elétrico, mas o potente motor do Bolt, isto se compararmos com outros automóveis elétricos do mercado, o faz acelerar de 0 a 100 km/hora em rápidos 7,3 segundos. A velocidade máxima é de um motor pequeno a gasolina ou etanol, mas não chega a desagradar ele tem como velocidade máxima final 148 km/hora. A aceleração sim é mais importante e faz as ultrapassagens do carro serem seguras e o bom torque também faz o Bolt ter bom desempenho mesmo nas subidas. No geral, o desempenho é melhor do que se espera de um carro elétrico. A autonomia também é um ponto forte, assim como o Renault Zoe, ele é equipado com um motor elétrico mais moderno e roda mais de 400 quilômetros com uma carga completa, além de ter a possibilidade de carregá-lo em tomadas de 220 volts. O Bolt é extremamente silencioso como todos os carros elétricos.

O Bolt traz bastante conforto para dirigir, a posição é elevada e o amplo vidro dianteiro com a caída acentuada da tampa dianteira favorece e muito a visibilidade para dirigir. O câmbio pode parecer um pouco estranho no começo, mas é fácil de adaptar-se. A manopla de câmbio parece um controle de vídeo game e a marcha ré precisa ser engatada para a esquerda e no lugar que costuma ser a ré de outros automóveis automáticos fica a posição drive do Bolt. Ao lado da alavanca do câmbio, está o botão de acionamento do freio de estacionamento. Mesmo com estes posicionamentos diferentes o Bolt é muito confortável para dirigir e os ajustes de altura e profundidade do volante fazem disto um ponto forte do Bolt.

Aliado com o bom acabamento do Chevrolet Bolt, ele traz peças em plástico muito bem ajustado e o grafismo que envolve o volante fazendo uma silhueta que quase chega ao câmbio e vai de retrovisor a retrovisor na parte interna agrada bastante com a mescla de cinza escuro e um cinza um pouco mais claro. Esta combinação é seguida nos confortáveis bancos em couro nas duas mesmas cores. O porta-malas é digno de sedãs médios e grandes com 478 litros dá para transportar muita coisa e o espaço interno possibilita levar bem cinco passageiros.

Apesar do acabamento em melhor nível que os concorrentes elétricos, pela faixa de preço faltaram alguns itens que poderiam ser de série em um carro de R$175.000,00. O ar-condicionado, por exemplo, é de uma zona e os bancos têm apenas ajustes manuais e por ser um carro mundial da montadora ele acaba tendo alguns itens que não são muito necessários para o consumidor brasileiro, como o aquecimento de volante e dos bancos. Fora estas ausências tem o pacote que apresentam automóveis de valor um pouco inferior, com ar-condicionado automático, vidros, travas e retrovisores elétricos com setas espelhadas.

A tecnologia do Bolt também é outro ponto em que ele tem um alto nível sem tentar ser futurista, um projeto moderníssimo sem exageros. O painel digital de alta resolução conta com velocímetro, quilometragem que ainda é possível andar sem carregar o carro e informações do computador de bordo. O kit multimídia tem tela dupla e é bastante moderno e funcional, conta com Apple CarPlay e Android Auto, carregamento de celular por indução, mapas com informações de trânsito e duas saídas USB.

No item segurança, além dos freios com ABS e dos airbags dianteiros obrigatórios, o Bolt vem equipado com airbags de cortina e laterais. O Bolt ainda tem câmera com visão para 360 graus, alerta de colisão frontal com acionamento automático dos freios, controle de estabilidade, assistente de permanência na faixa e acionamento automático de faróis altos. No banco traseiro, o kit de segurança também tem encosto de cabeça e cinto de três pontos para todos os passageiros.

O mercado de automóveis elétricos é bastante específico no Brasil. O Chevrolet Bolt é boa compra para quem tem mais de um carro e necessita de espaço mesmo no uso urbano, já que os postos de carregamento estão concentrados nas rodovias do estado de São Paulo, tornando o carro preferencialmente urbano, o Bolt traz mais conforto que outros automóveis elétricos. Além disto, tem baixo custo de manutenção. Agora, se fizermos a comparação pela faixa de preço, vamos encontrar possibilidades de compras, com motorização, acabamento e desempenho superiores. Vai depender do seu perfil para definir a compra ou não do novo Chevrolet Bolt.

Perguntas Frequentes (FAQ)

O Chevrolet Bolt 2019 é o carro elétrico da montadora e não consome combustível, com sua bateria totalemente carregada, o Chevrolet Bolt tem autonomia de 400 quilômetros.

O Chevrolet Bolt 2019 tem 203 cavalos de potência máxima alcançando a velocidade máxima de 148 km/hora e acelerando de 0 a 100 km/hora em 7,3 segundos.

O Chevrolet Bolt 2019 é comercializado a partir de R$ 209.000,00, em sua versão única, o Chevrolet Bolt EV com uma lista completa em equipamentos de conforto e segurança.