Ganhe R$500,00 em RappiCréditos ao comprar um carro na Karvi com a logo da Rappi!

Ford Territory

Versões Territory

Territory

SEL 1.5 Turbo

Resumo

Versão de entrada com motor 1.5 turbo e câmbio automático de 8 marchas.Vem com ar digital, teto solar panorâmico, sistema de som premium e seis airbags.

Territory

Titanium 1.5 Turbo

Resumo

Versão topo de linha com motor 1.5 turbo e câmbio automático de 8 marchas, acresce bancos em couro e muitos itens de segurança ativa e de direção autônoma.

Resumo Territory:

Lançado este ano, o novo SUV médio da montadora americana, o Ford Territory tem ampla lista de equipamentos de conforto e segurança e está disponível em duas versões, a SEL e a Titanium, ambas com motor 1.5 turbo e câmbio automático de 8 marchas.

Desde a dianteira, se nota que o Ford Territory 2021 tem um design mais robusto que a maioria de seus concorrentes, lembrando os tradicionais SUVs e picapes da montadora. Com uma grade dianteira em preto brilhante que chega até a altura do capô que resulta em uma caída mais suave do que a maioria dos carros e dá aspecto de força. O duplo vinco do capô também é bem marcado e de linha mais retas que os de seus concorrentes. Fecha o conjunto da dianteira para-choque na cor do carro com detalhes cromados nas molduras dos faróis de milha e preto na parte inferior. Na lateral, rodas de 18 polegadas com acabamento diamantado no Territory Titanium e o aplique preto que contorna toda a carroceria. Também é da lateral que se vê a barra de teto que é pintada de cinza e também dá bastante estilo ao SUV. Para finalizar com chave de ouro, a Ford desenhou uma traseira com aspecto bem mais moderno que o restante do Ford Territory 2021, com isto não quero dizer que ficou desarmônico, muito pelo contrário, o contraste deu muito estilo ao SUV. Com as lanternas traseiras bipartidas em full LED, aerofólio bem expressivo e o para-choque mais arredondado que o dianteiro, mas também bem robusto e com aplique em preto e cinza, dá para dizer no mínimo que o Ford Territory 2021 chega com muito estilo.

Nas duas versões, o novo Ford Territory 2021 traz o mesmo conjunto mecânico, com o motor 1.5 turbodiesel a gasolina com 150 cavalos de potência máxima e câmbio automático CVT de oito marchas, com aletas para trocas manuais no volante. Apesar de ser um SUV de porte médio, o Ford Territory 2021 é comercializado somente com tração dianteira.

O Ford Territory 2021 atinge a velocidade máxima de 180 km/hora e acelera de 0 a 100 km/hora em 10,8 segundos, não desaponta nem surpreende cumpre bem neste quesito o que se propõe um SUV médio. Com uma única opção de combustível, o SUV roda 9,2 km/litro na cidade e 10 km/litro de gasolina na estrada.

Com boa ergonomia e uma posição elevada para dirigir o Ford Territory 2021 atende bem o motorista quanto ao prazer ao dirigir, o que fica devendo na versão de entrada é a regulagem em profundidade do volante, algo muito básico para sua faixa de preço. O vão livre de 21,5 centímetros e a força do motor turbo geram um deslizar em nossas esburacadas e na estrada entregando um bom desempenho, arranque forte em retomadas e ultrapassagens com muito conforto.

Muito bem isolado acusticamente, o Ford Territory 2021 tem um baixo nível de ruído interno e espaço interno de sobra para uma família, seu entre-eixos de 2,71m é um dos maiores da categoria. No banco traseiro as saídas de ar-condicionado, conexão USB e apoio de braço central dão aquele aspecto de carro para quem viaja com motorista quando está ocupado por apenas dois passageiros. O único senão é o porta-malas bastante reduzido com seus 348 litros, mas podendo ser expandido para 420 litros o que não o difere muito de seus concorrentes que também tem este item como um ponto fraco.

A lista de equipamentos do Territory SEL 2021 pode parecer que seja do topo de linha do modelo, mas o Territory Titanium entrega ainda mais equipamentos de conforto. Teto solar elétrico, ar-condicionado digital automático, sistema de som com 6 alto-falantes e partida por botão só para se ater aos equipamentos mais exclusivos são de série já na versão de entrada. No Ford Territory Titanium, acresce bancos em couro sintético bege, banco do motorista com regulagem elétrica, sensores de chuva e crepuscular e um sistema de som ainda mais potente com 7 alto-falantes. O Ford Territory 2021 estreia o Ford Pass, um sistema de conectividade que a montadora estava devendo e chega atrasada em relações às outras montadoras, mas muito, muito completo mesmo e com um plus de um ano sem custo adicional, lembrando que a Chevrolet, por exemplo, só dá três meses em seu sistema de conectividade. Através deste sistema é possível ativar o wireless no carro, a localização do Ford Territory, autonomia, pressão dos pneus, nível de combustível e outras funções desde o aplicativo no seu celular.

No painel, o acabamento do Ford Territory 2021 é todo acolchoado imitando madeira na versão Territory, com detalhes em preto brilhante e couro que dão um visual bem atraente ao SUV. Tanto a tela digital do painel onde está o quadro de instrumentos quanto a do kit multimídia tem 10 polegadas, ambas com alta resolução em full-HD no Territory Titanium. O quadro de instrumentos permite três modos de visualização, sendo que o mais clássico simula um velocímetro centralizado com as informações de consumo e nível de combustível à sua esquerda. Os outros dois modos são o fashion e o esportivo. Com o novo kit multimídia a tela táctil tem excelente interface e pode ser deslizada com o dedo com você optando por ter até quatro telas simultâneas podendo visualizar vários aplicativos ao mesmo tempo. A falha fica por conta da ausência de comando para sistema Android sem cabo, somente o Apple Car Play pode fazer a interface por wireless, nos celulares com sistema operativo há que conectar via USB. Fora isto, o sistema é completo, com GPS e loja de aplicativos integrados e excelente usabilidade.

Na lista de equipamentos de segurança desde a versão básica, o Ford Territory SEL conta com controle de estabilidade e tração (item obrigatório para projetos novos desde 2020), assistente de saída em rampas, sensor de estacionamento traseiro com câmera de ré e seis airbags. É neste item, que o Ford Territory Titanium 2021 mostra a superioridade da versão topo de linha, a câmera passa a ser de 360 graus e há sensor dianteiro e o SUV traz muitos recursos de segurança ativa, como controle de velocidade de cruzeiro, alerta de colisão, frenagem autônoma de emergência, alerta de aviso de ponto cego e de mudança de faixa.

A briga que a Ford entra com o Ford Territory 2021 tem um líder absoluto, o Jeep Compass, mas a montadora preparou o carro com muito esmero e ele tem tudo para dar trabalho aos seus concorrentes no mercado de SUVs médios. Se você comparar a lista de equipamentos de conforto e segurança, o Ford Territory 2021 sai na frente de seus concorrentes. Outro ponto que joga a favor do Ford Territory 2021 é o baixo custo de manutenção, com as revisões chegando a custar até 40% menos que seus concorrentes, por tratar-se de um segmento que tem custo relativamente alto para as revisões, é bom ficar atento a este ponto. Do mais o Ford Territory 2021 cumpre com seu papel de SUV médio e não traz grandes inovações ao segmento, mas tem mais uma vantagem: o prazer de ter um modelo recém-lançado e que acaba chamando mais atenção nas ruas e este pode ser o ponto que faça você bater o martelo para ele ser seu novo carro.

Perguntas Frequentes (FAQ)

O consumo do Ford Territory é de 9,2 km/litro na cidade e 10 km/litro na estrada com gasolina. O motor é um 1.5 turbo movido somente a gasolina em ambas versões.

O Ford Territory 2021 tem 150 cavalos de potência máxima alcançando a velocidade máxima de 180 km/hora e acelerando de 0 a 100 km/hora em 10,8 segundos.

O Ford Territory tem preços a partir de R$165.900,00 na versão de entrada, o Territory SEL, chegando até R$187.900,00 na versão topo de linha, o Territory Titanum.