Ganhe R$500,00 em RappiCréditos ao comprar um carro na Karvi com a logo da Rappi!

Jeep Wrangler 2020

Versões Wrangler 2020

Wrangler 2020

Sahara 4x4 2P

Resumo

Versão com motor 2.0 turbodiesel e 272 cavalos, tração 4x4 e câmbio automático com 8 marchas. Completo, vem com multimídia e controles para direção off-road.

Wrangler 2020

Sahara Overland

Resumo

Mesmo motor, câmbio e equipamentos do Wrangler Sahara, traz alguns acessórios extras para condução off-road e detalhes externos que dão um visual mais atraente.

Wrangler 2020

Rubicon

Resumo

Mesmo conjunto mecânico e equipamentos da versão Sahara, mas tem distribuição automática de tração, tornando-se o melhor off-road do mercado brasileiro.

Resumo Wrangler 2020:

O Jeep Wrangler 2020, deu nome a um segmento e é um off-road com todo o requinte de carros de passeios. Ele está disponível em 3 versões: Sahara, Sahara Overland e a invocada Rubicon, todas trazem motor 2.0 turbodiesel, câmbio automático de 8 marchas e tração 4x4.

O design da geração anterior do Jeep Grand Cherokee que foi muito questionado pelos traços muito modernos para os consumidores de SUVs foi muito bem resolvido no novo modelo 2020. A Jeep jogou pesado e o célebre SUV da marca ficou muito atraente aliando novamente robustez e modernidade. Os faróis dianteiros voltaram a estar mais finos lembrando um pouco o dos primeiros Jeep Grand Cherokee que chegaram ao Brasil, mas para nada o projeto é desatualizado, eles se encaixam bem na grade frontal com as sete divisões características da Jeep sem nenhuma saliência saltada na carroceria, que ficou um pouco mais quadrada, mas muito bonita. Nas laterais os vincos agora são um pouco mais marcados e a traseira também com faróis em LED bem ajustados no desenho.

O Jeep Grand Cherokee Limited vem equipado com o motor 3.0 V6 turbo diesel de nova geração, que prejudica menos o meio ambiente. Este motor entregue 241 cavalos de potência para a SUV, o que não é tanto pelo peso e pelo preço do carro. A tração 4x4 automática se adapta conforme o tipo de terreno e o câmbio automático de oito marchas tem opção de trocas de marchas manualmente com aletas no volante.

Com bom razoável para um SUV, o Jeep Grand Cherokee, seus concorrentes o deixam para trás neste quesito, o carro acelera de 0 a 100 km/hora em 8,2 segundos e tem velocidade máxima de 202 km/hora, além de boas respostas em retomadas. No consumo se mostra bastante econômico, rodando 9,5 km/litro na cidade e em terrenos muito acidentados e na estrada 13,6 km/litro.

A posição para dirigir é um dos maiores trunfos do Jeep Grand Cherokee, o banco e o volante têm ajustes elétricos, a boa altura e ergonomia tornam esta posição quase perfeita e apesar do desempenho inferior ao dos concorrentes, o SUV topo de linha da Jeep sacoleja menos e não desaponta em acelerações, retomadas e ultrapassagens quando necessita mais torque no motor.

O problema da linha Jeep costuma ser o espaço interno, mas no Jeep Grand Cherokee isto não acontece, o mais espaçoso de todos os SUVs da marca, carrega bem cinco passageiros. No banco traseiro, dois destes passageiros possuem telas de nove polegadas com projeção individual e conexão para celulares para ver filmes, séries e vídeos na confortável viagem dos privilegiados destes bancos traseiros muito ergonômicos, reclináveis e com acabamento impecável.

A oferta de equipamentos do Jeep Grand Cherokee é imensa, além do básico para um carro deste segmento e preço, ele vem com bancos elétricos com aquecimento e ventilação, o sistema de som é diferenciado também dos outros SUVs da Jeep, e é exclusivo contando com subwoofers e nove alto-falantes, teto solar panorâmico e até mesmo a regulagem do volante é automática. Os bancos são em couro e o ar-condicionado digital com duas zonas, como merece um SUV deste porte.

Assim como os equipamentos, o painel e o kit multimídia do Jeep Grand Cherokee são os mesmos das versões topo de linha do Jeep Compass. O painel tem mostradores analógicos de velocidade e rotação e no meio uma tela digital muito completa de alta resolução que passa informações e estatísticas sobre condução (modo off-road), consumo e desempenho. No entorno do painel sim o acabamento é superior com detalhes em couro e todas as partes o plástico é macio ao toque. O multimídia tem tela sensível ao toque de oito polegadas, espelhamento para celulares, saídas USB nos consoles traseiro e dianteiro e GPS integrado.

A partir deste ano, o Jeep Grand Cherokee passa a oferecer a mesma segurança que o Jeep Compass topo de linha, mas com a diferença de que o Compass custa metade do preço. O Jeep Grand Cherokee vem com 8 airbags, alerta de limite de velocidade e de troca de faixa, freio de estacionamento eletrônico, controle de estabilidade e estabilidade para trailer, anti-colisão, anti-capotamento, câmera de ré e freios a disco nas quatro rodas.

Mais quadradão e voltando a ter cara de SUV de uso misto, cidade e off-road com ótimo desempenho o Jeep Grand Cherokee deve voltar a agradar os consumidores, mas o teste mesmo vai ser se vão aceitar pagar mais caro pelo logotipo Jeep. Sua concorrente mais direta, a Ford Edge ST, tem o mesmo nível de acabamento, melhor desempenho e preço mais baixo. Na hora de fechar a compra o que mais vai pesar é a tradição da Jeep na fabricação de off-roads, espaço e dirigibilidade, a decisão está nas suas mãos.

Perguntas Frequentes (FAQ)

O consumo do Jeep Wrangler 2020 é de 7 km/litro na cidade e 12 km/litro na estrada, em todas as suas versões seu motor é turbodiesel e a tração integral.

O Jeep Wrangler 2020 tem 272 cavalos de potência máxima alcançando a velocidade máxima do é 199 km/hora e acelerando de 0 a 100 km/hora em 6,9 segundos.

O Jeep Wrangler 2020 tem preços a partir de R$347.990,00 na versão de entrada, o Jeep Wrangler Sahara, chegando até R$ 421.390,00 na versão topo de linha, Rubicon.