Ganhe R$500,00 em RappiCréditos ao comprar um carro na Karvi com a logo da Rappi!

Toyota RAV4

Versões RAV4

RAV4

S 2.5L AWD

Resumo

Primeiro SUV híbrido do Brasil, com motor 2.5 a gasolina e um elétrico, entregando 222 cavalos, tem tração variável. Completo, traz bancos em couro e teto solar.

RAV4

SX 2.5L AWD

Resumo

Tem o mesmo conjunto mecânico da versão S, acrescenta ar-condicionado com duas zonas e abertura automática do porta-malas.

Resumo RAV4:

O Toyota RAV4 Híbrido 2020 é o SUV compacto da Toyota e chega com uma grande mudança para este ano, o RAV4 inaugura os motores híbridos no segmento dos SUVs. O seu lançamento, em 1994, foi um marco na evolução do conceito 4x4 trazendo linhas compactas e muito estilizado em um mercado até então dominado por um design bastante atrasado com linhas quadradas e em 2020 chega com mais novidades no mercado de SUVs. Esta 5ª geração lançada em 2019 vem do Japão exclusivamente com motor híbrido. Além dessa vantagem oferecida de bandeja, a Toyota, sem dúvida, joga forte e redobra seu compromisso com essa tecnologia, que já tinha o Toyota Prius como sua bandeira e que agora além do RAV4 Hybrid, também inova no segmento de sedans e traz duas versões no Toyota Corolla 2020 com motor híbrido. O Toyota RAV4 Híbrido compete em um segmento bastante acirrado no Brasil, com SUVs como o Jeep Compass, o Hyundai Tucson, o Honda CR-V e o Kia Sportage, entre outros. Ele vem em duas versões, estando disponíveis o Toyota RAV4 S Connect Hybrid e o RAV4 SX Connect Hybrid.

Deixando para trás uma quarta geração com linhas suaves e aerodinâmicas, o novo Toyota RAV4 fecha a década com uma mudança repentina em direção a formas muito mais agressivas. A dianteira é bastante agradável traz um design bem interessante é um SUV clássico com linhas levemente arredondadas e é moderníssimo sem querer parecer futurista.

O motor híbrido do Toyota RAV4 tem uma potência combinada de 222 cavalos e é a junção de um motor a gasolina 2.5 com 175 cavalos e dupla injeção trabalhando em conjunto com um motor elétrico de 560 volts e 118 cavalos. A caixa CVT é automática de variador contínuo, com engrenagens simuladas e possibilidade de acionamento para mudança de marchas. O Toyota RAV4 tem tração LSD nas duas versões, que é variável 4X2 ou 4X4 dependendo do tipo de terreno.

O conjunto mecânico do Toyota RAV4 faz o SUV acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 8,5 segundos e atingir a velocidade máxima de 187 km/hora. O bom no desempenho está, obviamente, na eficiência do consumo. O segredo do Toyota RAV4 é que ele não apenas economiza gasolina quando utiliza exclusivamente o motor elétrico, mas também que o motor 2.5 é, por si só, muito eficiente. Isto faz com que o consumo seja de 18,2 km/litro na estrada e 16,4 km/litro na cidade. São números espetaculares, especialmente considerando que a aerodinâmica joga contra o consumo do Toyota RAV4 e que se trata de um SUV 4X4.

O segredo do híbrido é o uso exclusivo do motor elétrico quando damos partida, que é justamente o momento em que qualquer carro consome mais combustível. Além disto, torna o Toyota RAV4 muito silencioso, só tem um pouco mais de ruído quando exigimos mais do carro e utiliza o motor a gasolina. A bateria é recarregada automaticamente usando a energia do motor de combustão e a gerada pela desaceleração e frenagem do sistema. O conforto ao dirigir o RAV4 na cidade é muito bom, graças à boa calibragem e uma suspensão macia - com eixo traseiro independente - que permite passar por nossas esburacadas sem sentir tanto. Como na maioria dos SUVs, o desempenho na estrada é bom, mas sem ser algo fora do comum. Devido ao seu tamanho e mecânica, o Toyota RAV4 não é adequado para uma condução tipicamente esportiva, e o alto ruído do motor é desagradável. De qualquer forma, funções como controle de estabilidade e modo de direção esportiva permitem otimizar esse aspecto ao máximo e deixando o Toyota RAV4 2020, bastante prazeroso de dirigir.

O design do painel do RAV4 é sóbrio, embora tenha algumas das características angulares da carroceria. A tela multimídia se destaca, é algo espetacular e pouco integrada ao restante do painel. A posição ao dirigir é muito confortável, graças à regulagem elétrica do banco apenas no RAV4 SX Connect Hybrid e à regulagem do volante em altura e profundidade, juntamente com os controles de som e computador de bordo, presente tanto no topo de linha, quanto no RAV4 S Connect. Os bancos traseiros surpreendem pelo espaço generoso que oferecem tanto para as pernas quanto para a cabeça. Os bancos traseiros não apenas dobram (para ampliar o porta-malas), mas também reclinam gerando mais conforto para os passageiros do banco traseiro do Toyota RAV4.

O Toyota RAV4 S Connect Hybrid, possui abertura do porta-malas com sensor "mãos livres", teto solar panorâmico com comando elétrico, sensor de chuva e bancos dianteiros aquecidos. Enquanto o RAV4 SX Connect Hybrid possui ar-condicionado automático de duas zonas e abertura automática de porta-malas.

O painel do Toyota RAV4 Híbrido possui três indicadores com ponteiros e uma boa tela central de sete polegadas, onde você pode consultar todos os tipos de informações úteis, incluindo a velocidade e o monitoramento em tempo real do sistema híbrido. Curiosamente, o SUV não possui mostrador de rotação tradicional. Em vez disso, indica os parâmetros de potência e aceleração: não medidos por rotações como estamos acostumados, mas sim em diferentes "zonas" que indicam distintos comportamentos do sistema híbrido: recarga (quando paramos o carro), Eco (com baixo consumo com condução leve) e Power (quando o acelerador é pressionado com mais força). O sistema multimídia do Toyota RAV4 é muito completo: inclui uma tela sensível ao toque de 8 polegadas, conectividade via Bluetooth e USB, navegador por satélite e carregador por indução para smartphones, além de espelhamento para celulares com sistema Android ou IOS.

O Toyota RAV4 é o primeiro modelo da Toyota no Brasil que chegou o sistema Safety Sense. É um pacote de assistência automática incluindo velocidade de cruzeiro com alerta e de frenagem automática de emergência e também alerta e corretor de mudança de faixa, mas está disponível apenas no RAV4 SX Connect Hybrid. Os outros itens de segurança são os mesmos para as versões S e SX Connect: freios ABS com EBD, 7 airbags, controle de estabilidade e tração, assistentes de partida em subidas, ganchos ISOFIX e faróis de milha na dianteira e de neblina na traseira. O Toyota RAV4 tem o plus de uma carroceria reforçada que obteve resultados muito bons nos testes de colisão. Na segurança o SUV é muito, muito completo, mesmo se o comparar com SUVs de porte maior ou mais caros.

O Toyota RAV4 híbrido 2020 é uma opção muito atraente para quem quer um SUV com tecnologia de ponta, com vários argumentos a seu favor, estreia um segmento no Brasil e tem preço mais acessível do que os antigos híbridos. Além disto, o SUV é muito econômico e tem a confiabilidade da Toyota no mercado brasileiro. A isto podemos acrescentar um nível de conforto impecável, recursos de segurança de primeira classe e um design atraente que, além de passar a sensação de robustez, acaba convencendo. No final das contas, é um carro com mais prós do que contras. O SUV foi projetado para a cidade, portanto não é recomendado se você estiver buscando adrenalina ao volante ou benefícios exagerados fora da estrada. Se não for esse o caso, comprar um Toyota RAV4 é sem dúvida uma excelente decisão.