A Renault chegou ao Brasil para atuar em um mercado de carros com preço reduzido, mas seus produtos foram tão bem aceitos que versões mais equipadas e com motorização potente foram ganhando espaço.

Desde que o Renault Clio foi um grande sucesso de vendas, a marca consolidou-se no Brasil e a relação de nós brasileiros com seu projeto de gosto duvidoso, com o Renault Twingo que atraiu vários consumidores também, fez com que a marca aumentasse as vendas no Brasil.

Mesmo nunca tendo sendo uma das montadoras mais vendidas no Brasil, a Renault tem a confiança do consumidor brasileiro e traz sempre carros bem equipados, ao contrário do seu objetivo inicial.

Dentre os modelos atualmente comercializados pela montadora está o hatch que no Brasil substitui o Renault Clio e vende bem, o Renault Sandero, e sua versão sedan, o Renault Logan.

A partir da linha 2020, dois grandes sucessos derivados do hatch ganharam vida própria com o lançamento do Renault Stepway, versão aventureira e o Renault R.S. 2.0, o esportivo mais barato do mercado brasileiro.

No mercado de picapes e SUVs, a Renault não conseguiu emplacar um modelo de sucesso em vendas até o momento, o Renault Duster e Duster Oroch não caíram no gosto do brasileiro, mas são baratos, tem mecânica resistente e excelente espaço interno.

Somente a Renault Captur parece ter agradado com seu design diferenciado e promete muito na sua remodelação prevista para 2021.

Dúvidas frequentes

Carros recomendados de acordo com sua pesquisa